Destaques

Concerto Comentado de obras para piano por João Costa Ferreira





31 de maio
 
19h00
 
entrada livre
Concerto comentado de obras para piano de José Vianna da Motta
Por João Costa Ferreira
 
• Fantasiestück, op. 2

• Zwei Klavierstücke nach A. Böcklin
* a) “Meeresidylle”
* b) “Im Spiel der Wellen”

• Cinco Rapsódias Portuguesas
*1ª Rapsódia Portuguesa, “Fados”
*2ª Rapsódia Portuguesa
*3ª Rapsódia Portuguesa
*4ª Rapsódia Portuguesa, Oração da Tarde
*5ª Rapsódia Portuguesa, São João 

 Integrado na programação dos XVII Cursos de Aperfeiçoamento Musical de Paços de Brandão, a Academia de Música de Paços de Brandão tem a honra de apresentar o quinto concerto desta série, agendado para o dia 31 de maio, quarta-feira, pelas 19h00, no Auditório da Academia, em Paços de Brandão.

João Costa Ferreira é um pianista português detentor do prestigiado “Diplôme Supérieur d’Exécution” da École Normale de Musique de Paris / Alfred Cortot, instituição onde estudou com Marian Rybicki e Guigla Katsarava. É também investigador, titular de uma Licenciatura e de um Mestrado de Investigação em Música e Musicologia pela Université Paris-Sorbonne, instituição onde lecionou, enquanto tutor, no ano letivo 2014-2015. Atualmente, prossegue os seus trabalhos de investigação em Doutoramento nessa universidade sob a direção da musicóloga e filósofa Danielle Cohen-Levinas, estudando, nomeadamente, a escrita, técnica e interpretação pianísticas na obra de
José Vianna da Motta.
João Costa Ferreira é detentor de vários prémios, destacando-se o 2º prémio (1º prémio não atribuído) no XVº Concurso Internacional de Piano Maria Campina e o 1º prémio “Musicologia” no 8º Concurso “Jeunes solistes de la Sorbonne”. Em 2015, João Costa Ferreira foi galardoado pela Cap Magellan com o prémio “Melhor revelação artística” numa gala para a celebração da
República Portuguesa realizada nos salões do Hôtel de Ville de Paris.
Atua regularmente em Portugal, Espanha, França e Holanda, tendo já gravado para a RDP-Antena
2. Apresentou-se, enquanto solista, com a Orquestra de Sopros e a Orquestra de Cordas do Conservatório de Artes do Orfeão de Leiria e com a Orquestra Filarmonia das Beiras, sob a direção dos Maestros Alberto Roque e Ernst Schelle. Atualmente, trabalha em projetos de interpretação de obras para piano a quatro mãos com o pianista Bruno Belthoise.
Iniciou a sua atividade de pedagogo em 2009 sendo convidado como assistente do pianista francês Jean Martin (discípulo de Yves Nat) para lecionar no âmbito de masterclasses realizadas em França.
Além disso, João Costa Ferreira é frequentemente convidado a orientar masterclasses em conservatórios de música de Portugal. Atualmente, é pianista acompanhador do Conservatoire de Musique Georges Bizet de Paris.
João Costa Ferreira trabalha com a editora AvA Musical Editions para a publicação de obras de José Vianna da Motta. Até à data, João Costa Ferreira reviu e prefaciou as Cinco Rapsódias Portuguesas,a Balada sobre duas melodias portuguesas, op. 16, os Três Romances sem palavras, op. 51, as Zwei Klavierstücke nach A. Böcklin e a Fantasiestück, op. 2. Prepara, ainda, a gravação de um CD áudio dedicado a obras para piano solo deste compositor na editora Grand Piano (do grupo Naxos) com o apoio da RDP-Antena 2.
João Costa Ferreira iniciou os seus estudos musicais aos onze anos no Conservatório de Artes do Orfeão de Leiria com o Professor de piano Luís Batalha.

Não falhem esta oportunidade!

Imprimir

2017-05-03 08:51:48